sábado, 2 de fevereiro de 2013

Jaimie Alexander fala sobre Thor: Dark World, Lady Sif e muito mais




lady-sif

Fazendo premiers promocionais para The Last Stand, Jaimie Alexander recentemente falou com I Am Rogue sobre o seu papel de Lady Sif no novo filme do deus asgardiano, Thor: The Dark World. Animada com o modo de dirigir do novo diretor Alan Taylor, a atriz fala sobre o relacionamento de sua personagem com o de Chris Hemsworth, Os Três Guerreiros e Zachary Levi. Veja abaixo.

“Terminei de filmar há uma semana e meia atrás. O filme terá um clima mais sombrio e obviamente terá muito mais ação. Exploraremos diferentes reinos e terá muito mais de Asgard; vocês conhecerão mais o povo de lá. Sif terá uma participação maior, a relação dela com Thor foi um pouco desenvolvida, de um jeito romântico. É como criar um sentimento por quem eles são. Foi realmente divertido para mim e para o Chris. Nós dois somos como irmãos então talvez isso soe no tela como “ohh eles amam um ao outro”. Passamos bons momentos gravando esse filme.”

“Foi difícil de inicio [retornar com um novo diretor] porque eu não sabia o que esperar. Eu amei Kenneth Branagh demais, ele foi muito importante na minha vida porque lançou minha carreira. Tenho que dizer, no entanto, que é sempre bom trabalhar com gente nova. Alan Taylor trouxe uma noa visão ao Thor. Mantemos a essência dos personagens, óbvio, então ainda tem aquela similaridade com o primeiro filme. Mas o clima sombrio está mais presente, um pouco com ar de Gladiador, um pouco mais viking. Então estou realmente excitada para que ver como ficará no cinema.”
“O roteiro parecia muito mais uma história em quadrinhos. Eu podia ler algumas cenas e imaginar alguém as desenhando para alguma hq. Nesse sentido, a Marvel é ótima; eles disseram ‘faça do seu jeito’. E temos uma ótima equipe. Tenho tido muita sorte na minha carreira. Foi levemente diferente [com a entrada de Zachary Levi], porque ele não é Josh Dallas, mas é fantástico. E eu o conheço por anos. Ele na verdade era uma das primeiras escolhas para o Fandral, então é ótimo tê-lo conosco. Ele definitivamente é Fandral, e é tão amável, trabalha bem em equipe e é um docinho. Todos abriram os braços e agora ele é parte da família.”
Postar um comentário