domingo, 17 de novembro de 2013

Artista Grande do Sul:: Mauro Vila Real

por Gelson Weschenfelder @gweschenfelder


Artista Grande do Sul é uma nova coluna  do Blog HQG, que tem o intuito de apresentar grandes artistas gaúchos e seus trabalhos dentro da cultura comics.

Iniciamos hoje com o trabalho e uma pequena entrevista com Mauro Vila Real.



HQG – Quem é o Mauro Vila Real? Trabalha para algum Studio?
Sou apenas alguém que depois de maduro resolveu arriscar tudo pra fazer o que sempre gostou. Creio que nunca houve uma gama tão grande de possibilidades pra quem é dessa área e esse é o momento pra quem busca seu espaço no mercado nacional ou internacional. Atualmente trabalho a partir de meu home office, o que gera comodidade para mim e a possibilidade de trabalhar para diversos clientes simultaneamente e nos horários que mais me adapto. Em geral isso quer dizer apenas que trabalho o dia todo e quando o sono demora aproveito para trabalhar mais um pouquinho... O desenhista parece muito com o jogador de futebol, jogadores resumem sua vida a jogar, treinar e bater uma bola com os amigos nas folgas. Os desenhistas desenham, estudam desenho e nas folgas desenham pra se divertir.
 
HQG -  Como iniciou sua paixão por desenho?
O desenho na verdade é uma grande brincadeira para todas as crianças, acho que a questão toda é que alguns a abandonam num determinado ponto da vida. Outros gostam tanto que seguem praticando e alguns raros (malucos) resolvem ganhar a vida disso. No Final dos anos 70 vi o quarto de um tio cheio de desenhos feitos em cartolina pregados na parede, a partir dali fiquei fascinado em  poder reproduzir o que via nos gibis e na tv. Daí por diante desenhar faz parte de todas as minhas recordações de infância. No começo eram apenas os personagens dos gibis da Disney, até que aos nove anos pedi a meu irmão que sentasse  ao meu lado pra que eu tentasse desenhar ele. Foi minha primeira experiência com desenho figurativo. Dali pros super-heróis foi um pulo.

HQG – Como iniciou sua carreira?
Desde cedo busquei, mesmo que involuntariamente, trabalhos que envolvessem o desenho. Foram vários, desde serigrafias, gráficas e agências de propaganda. Fiquei afastado dessa área por doze anos enquanto trabalhava em um emprego público até que decidi deixar tudo pra buscar uma colocação nessa área. Felizmente tudo acabou dando certo!
 
HQG – Quais foram os trabalhos que fez para o mercado de comics?
Trabalhei em equipes de apoio de gente muito talentosa como Cris Peter, Marcelo Maiolo, Rod Reis, Ana Koehler e muitos outros. Esse é um mercado repleto de grandes talentos e por uma característica pessoal acabei me direcionando para o mercado publicitário. Isso é algo que ocorre com muita freqüência nesse meio, mas ainda produzo alguns trabalhos sob encomenda.
 
HQG – Qual editora e que trabalho esta fazendo nesta?
Atualmente não estou trabalhando fixo com editoras. Tenho produzido um grande número de ilustrações para livros e para grifes de todo o Brasil, muitas envolvendo a linguagem dos HQ´s. 
 
HQG – Possui alguns site onde leitores do blog HQG possam acompanhar seu trabalho?
Costumo, sempre que possível postar em meu blog, www.maurovilareal.blogspot.com e em meu perfil no Facebook, www.facebook.com/mauro.vilareal. Essas postagens, porém ficam um pouco limitadas devido às clausulas de confidencialidade a que os trabalhos estão sujeitos.
 
Postar um comentário